sábado, 29 de outubro de 2016

UM FIM DE SEMANA DE RECONHECIMENTO - PARTE 1

Ainda só passou uma semana e já tenho muitas saudades. Na verdade, acho que tão cedo não irei esquecer o último fim de semana e todos as dinâmicas da Oriflame para presentear os seus novos chefes e subidas de categoria. Foi tão bom sentir apreço e reconhecimento! (Uma salva de palmas para este espírito!)

Mas deixem-me começar pelo princípio.
Há uns meses atrás, após um tempo como assessora da Oriflame, consegui juntar uma equipa e subi à categoria de Chefe de Grupo, o que, para além das responsabilidades e tarefas inerentes, me trouxe também alguns privilégios, entre os quais um convite a participar no Seminário de Chefes de outubro.

Não fazia bem ideia do que seria este seminário, apenas fixada na ideia de que ganhara um fim de semana diferente, com tudo pago, num hotel em Lisboa.
Sabia que iria haver um reconhecimento pelas subidas de categoria e que a minha Gold Diretor, a Cidália Ventura, me iria acompanhar durante os dois dias.

E foi com muito entusiasmo que tudo começou no sábado passado, depois de almoço, quando entrei no Marriott Hotel, em Lisboa e me juntei ao grupo de participantes no seminário.

Depois de deixar as bagagens, seguimos nos transferes do hotel em direção ao Cristo Rei, em Almada, onde um grande evento da Oriflame estava quase a começar.



O Oriflame Go foi um evento de grande envergadura que decorreu entre as 15h e as 19h, para o qual foram vendidos cerca de 2700 bilhetes e que incluiu diversos ateliês de beleza (cuidados de rosto, maquilhagem, wellness), pavilhões dos parceiros da marca e um bazar da Oriflame (com produtos até 85% de desconto).


A nossa embaixadora Rita Pereira também este presente, fazendo a apresentação na nova fragrância da Oriflame, partilhando a sua experiência com a empresa e tirando fotografias com os participantes.
Os participantes tiveram direito a um kit de produtos da Oriflame, da gama Eleo no valor de 52€ (condicionador, máscara e champô).

No final do evento, pude testemunhar (e aplaudir) a entrega de um novo carro à minha Gold Diretor, que recebeu um Audi branco da empresa, que se encontra a renovar toda a sua frota automóvel e que entregou mais de 70 viaturas durante o evento.



Depois, por volta das 20h30, começou o jantar do Seminário de Chefes, numa das tendas panorâmicas do Cristo Rei, que decorreu num ambiente fantástico, simultaneamente de glamour e de camaradagem, onde todos conviveram e comemoraram em equipa.
Gostei bastante do jantar, durante o qual tivemos música ao vivo muito bem interpretada, sentindo-me muito bem acolhida e integrada e tendo feito algumas amizades no grande grupo.


A subida a "palco" para receber o diploma de Chefe de Grupo, entregue pelos coordenadores da empresa, pelo seu diretor geral e pelo representante da Oriflame Suécia, foi um momento de emoções fortes e de grande orgulho, durante o qual senti mesmo que estava a ser reconhecido o meu trabalho e que o sucesso de cada um de nós é realmente festejado por todos.

No final, brindámos com bolo e champanhe e festejámos com música (dos anos 80/90), enchendo a pista de dança e divertindo-nos bastante.

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

DICAS ORIFLAME #04 - BELEZA PARA O INVERNO


O site da Oriflame tem sempre ótimos conselhos e dicas de beleza. São fáceis de compreender e utilizar, são curtos e diretos e ainda nos mostram exatamente quais os produtos que poderemos comprar.
Desta vez, trago-vos a solução para alguns problemas que nos surgem no Inverno.

MÃOS E PÉS - Problemas de inverno: Mãos e pés secos
Como prevenir: 
Comece a hidratar as mãos e pés o mais depressa possível.
Para entrar na rotina, comece por aplicar todas as noite uma loção antes de ir para a cama. Estabeleça uma hora certa pois será mais fácil lembrar-se.
Quando descerem as temperaturas, mude da loção para um creme mais rico
Após a aplicação do creme, use meias e luvas de algodão para aumentar a sua absorção pela pele.
Nos meses mais frios, deve hidratar as mãos sempre que as lavar e esfoliar os pés todas as semanas. 

ROSTO - Problemas de inverno: Pele seca e lábios gretados
Como prevenir: 
No verão, o sol, a transpiração e os banhos de mar e piscina poderão deixar a pele baça e sem vida. Por isso, é importante deixar a pele recetiva à hidratação. começando por a esfoliar pelo menos uma vez por semana. 
É igualmente importante usar um produto intensamente nutritivo. As Cápsulas Faciais de Óleo Nutri6 NovAge contêm seis óleos naturais preciosos que deixam a pele suave e radiante. 
Adicione ainda um creme de dia mais rico ao seu arsenal de cuidados do rosto diárias no inverno.
Os lábios também necessitam de um cuidado adicional nos próximos meses.
Quando sentir que estão secos ou a gretar, use um bálsamo de lábios. É que, por não possuírem uma proteção natural contra a desidratação, eles requerem uma defesa externa. 

MAQUILHAGEM
Problemas de inverno: Maquilhagem que escorre ou mancha
Como prevenir: 
Conforme aumenta o frio, a quantidade de roupa usada também aumenta. Isto ajuda a proteger a pele do vento e da temperatura, mas pode prejudicar a maquilhagem.
O que fazer?
Invista num pó translúcido, que irá fixar a maquilhagem e prevenir manchas. Deverá também mudar a sua máscara de pestanas para uma à prova de água, que irá manter um look perfeito durante os dias mais ventosos.

CABELO
Problemas de inverno: Eletricidade estática e cabelo sem volume
Como prevenir: 
Usar gorro deixa-nos o cabelo sem volume e não usar deixa que o frio crie nele eletricidade estática. Nenhuma destas situações é boa, por isso é aconselhável investir em alguns produtos.
Se optar pelo gorro, previna a diminuição do volume do cabelo e aplique uma mousse que proporcione volume, antes de secar o cabelo após o duche. Também poderá aplicar nas raízes para um volume extra e duradouro.
Se necessita de combater a eletricidade estática, use um condicionador e deixe o cabelo humedecido. Também poderá mudar o seu pente ou escova para uma de metal, que reduz a eletricidade estática.

Texto retirado DAQUI.

Para beneficiar de 23% a 30% de desconto nos seus produtos, contacte-me ou inscreva-se:

domingo, 23 de outubro de 2016

MARATONA LITERÁRIA DE HALLOWEEN

A convite da Ana Beatriz do blogue literário "DREAM PAGES", inscrevi-me na Maratona Literária de Halloween, na qual participo com muito entusiasmo. Na verdade, há bastante tempo que não participava em algo do género e, confesso, já tinha saudades. (Tal como de aqui vir escrever regularmente!)
Esta maratona decorrerá durante 18 dias e começou na passada quinta-feira.
Somos participantes; eu, a Iara (do blogue "Uma página e 1/2"), a Carla (do blogue "As leituras do corvo"), a Ana (do blogue "The booktarian") e a nossa dinamizadora, a Beatriz do blogue "Dream Pages".
Eu ainda vou no primeiro livro, mas conto que esta seja uma ótima motivação de leitura.


Nesta maratona não há desafios obrigatórios.
Tal como refere a Ana Beatriz, "Por cada livro lido, ganha-se 1 ponto e, se este se inserir num ou mais desafios, somam-se ainda os pontos referentes a esse mesmo desafio. O objetivo é, assim, ler o máximo de páginas e conseguir o máximo de pontos possíveis durante o período da maratona!"

Ora vejamos o que nos espera:

Desafio 1 - Ler um livro com as cores laranja, vermelha ou preta na capa (+1 ponto)
Desafio 2 - Ler um livro que está há mais de um ano esquecido na estante (+1 ponto)
Desafio 3 - Ler um thriller/policial (+2 pontos)
Desafio 4 - Ler um livro com um tema sobrenatural (+2 pontos)
Desafio 5 - Ler um livro de um autor português (+2 pontos)
Desafio 6 - Ler um livro cujo tamanho já assuste - mais de 400 páginas (+3 pontos)

Eu escolhi um livro que me foi oferecido por uma editora e que há muito que queria começar a ler. É de um autor português e estava "esquecido" numa das prateleiras há mais de um ano. Será que consigo 3 pontinhos com ele?

sábado, 8 de outubro de 2016

ATIVIDADES EXPLORATÓRIAS DO LIVRO "A CASA CONSELHEIRA" (1.ºCICLO)

Foi neste post que vos falei sobre o livro "A Casa Conselheira", de Ângela Ribeiro Constantino, o qual aconselho como leitura partilhada no 1.º Ciclo.

Como pretendo trabalhá-lo com a minha turma, lembrei-me de partilhar com todos alguns exemplos de atividades que me foram surgindo durante a leitura, as quais poderão estar na base de muitas outras, nas diferentes áreas e anos de escolaridade.


1.º ANO - Leitura feita pela professora

Português:
- Levar os alunos a comparar os dois desenhos e debater coletivamente o porquê das diferenças.

Expressões: 
- Após explicar o significado da palavra "conselho" e "conselheira", propor aos alunos que imaginem como é esta casa e a desenhem.
- No final do 1.º ou 2.º capítulo, propor que voltem a desenhá-la, incluindo as personagens principais.

Estudo do Meio:
- Estudar as divisões da casa e as funções de cada uma.


2.º ANO - Leitura partilhada entre a professora e os alunos

Português:
Antes de iniciar a leitura do livro:
- Analisar a capa (título, autor, ilustrador...);
- Prever quais as personagens principais;
- Intuir sobre o porquê do título.
Após a leitura:
- Comparar as previsões com o conhecimento da história.

- Descrever o mundo da casa ("Eterna").

Matemática:
- Utilizando um espelho, desenhar figuras simétricas.

Estudo do Meio:
- Agrupar os animais do livro em domésticos/selvagens, pelas formas de deslocação, pelo revestimento do corpo e pelo que comem, preenchendo tabelas e complentando-as com outros animais.


3.º ANO - Leitura partilhada pelos alunos
Português:
- Escrever as famílias de algumas palavras retiradas do texto (p.e. conselheira, animal, habitação, segredo, feitiço...);
- Organizar uma teia de aranha com palavras que caracterizem psicologicamente a casa da história;
- Utilizar essas palavras para escrever o retrato psicológico da personagem principal.

Matemática:
- Abrir uma embalagem tetrapak de leite e ver a planificação do paralelepípedo;
- Reproduzir a planificação em papel quadriculado e descobrir diferentes formas de planificação de cubos e paralelepípedos.

Expressões:
- Construir uma casa como a do texto, a partir do pacote de leite, utilizando colagens de diferentes materiais e pinturas.

Estudo do Meio:
- Debater as formas de poupar energia e água em casa;
- Estudar as regras de prevenção de incêndios e as formas de agir em caso de sismo ou incêndio.


4.º ANO - Leitura silenciosa a pares ou partilhada (em voz alta)

Português:
- Escrever um diálogo entre a Casa Conselheira e uma das moradias ou prédios novos construídos no mesmo terreno;
- Recriar uma audiência de uma tribunal, assumindo os alunos diferentes papéis (juíz, advogado, testemunhas, jurados...), dividindo-se a turma entre os que defendem que a manutenção da casa e os que querem a sua demolição para construir uma nova urbanização. 


Como disse anteriormente, estes são apenas alguns exemplos de atividades, podendo surgir diversas outras para completar ou substituir. Por isso, deixem as vossas sugestões nos comentários.
Bom trabalho!!