terça-feira, 1 de novembro de 2016

"A PORTA DAS TRÊS FECHADURAS", DE SONIA FERNÁNDEZ-VIDAL

No verão andei muito entretida com uma leitura maravilhosa da Editorial Presença: "A Porta das Três Fechaduras", de Sonia Fernández-Vidal.
Foi uma leitura muito leve, ideal para jovens e adultos, que me levou a um mundo mágico e me pôs a pensar sobre fenómenos e teorias da física quântica. (E sem dar nada por isso!!)

A história roda à volta de Niko, um jovem estudante muito curioso e a precisar de alguma motivação para o estudo que, num dia aparentemente normal, acorda desafiado por uma mensagem que aparece no teto do seu quarto. E esta foi apenas a primeira com que se deparou durante o dia, pois várias outras, em tom de pista e enigma, foram surgindo na sua mente ou à sua frente.

E a verdadeira aventura começa quando Niko sai de casa para ir para a escola e, apesar de fazer o mesmo caminho de sempre, descobre uma casa na qual nunca tinha reparado antes. Aquela não era uma casa qualquer e, por curiosidade ou incentivado pelas palavras que lhe foram surgindo desde que acordara, o rapaz resolve arriscar o seu dia (ou a vida???) para descobrir um pouco mais.

Curiosos?
Deveriam ficar, pois este livro é uma verdadeira surpresa e uma pequena maravilha.
Escrito de uma forma muito acessível, intrigante e motivadora, "A Porta das Três Fechaduras" é um livro que nos prende desde o início e nos deixa constantemente com vontade de ler o capítulo seguinte.
Os enigmas que nele vão surgindo despertam a nossa curiosidade e levam-nos a pensar de uma forma menos previsível e "real", conduzindo-nos ao pensamento da física quântica e colocando-nos a questionar o mundo à nossa volta.

Aconselho a sua leitura a partir dos 12 anos de idade, acreditando que os rapazes são o melhor público para esta obra, que poderá ser um bom incentivo ao gosto pela leitura.
Será uma leitura ainda mais vantajosa se o adulto a acompanhar, sendo que ler anteriormente também poderá proporcionar agradáveis momentos entre gerações, uma vez que as temáticas poderão estar na base de troca de ideias entre pais e filhos.

Um "muito obrigada" especial à Editorial Presença pela oferta desta obra e pela confiança na minha leitura e opinião sobre a mesma.

Sem comentários :

Enviar um comentário