sábado, 18 de junho de 2016

GOSTO...

Sim, é verdade...

Gosto de pessoas autênticas, que choram e dão gargalhadas, que olham nos olhos, que lutam pelos sonhos.
Gosto de momentos intensos e de sensações fortes, que arrepiam a pele e gelam a barriga.
Gosto da fruta do verão, colhida da árvore, trincada bem fresca.
Gosto do arco-íris no céu, do cheiro a terra molhada, da fragrância das flores.
Gosto de histórias de vida, de poemas com alma, de piadas irónicas, de pensamentos profundos.
Gosto de uma ida ao cinema, com pipocas ou gomas, de uma ida ao museu que desperte e ensine,
Gosto de vestido branco em pele morena, de sandália num pé bonito, de calças que embelezam a silhueta.
Gosto de ilustrações infantis, de decorações simples, de recantos da casa e refúgios na natureza.
Gosto do cheiro e do som do mar, do nascer e do pôr-do-sol, do ronronar dos gatos.
Gosto do dom da sensibilidade que me faz gostar de tudo isto...


1 comentário :

  1. Já somos duas. Também adoro tudo isso. Afinal a vida é bela não é?! Não é sempre mas a maioria das vezes se assim quisermos! Beijinho.

    ResponderEliminar