domingo, 1 de maio de 2016

10 RAZÕES PARA VISITAR PALMELA


Nasci em Setúbal e por lá vivi até aos 3 anos de idade.
Nessa altura, o meu pai foi convidado para tocar viola baixo num grupo de Palmela e nós viemos morar para esta bonita vila. Ou seja, fui adotada como "palmeloa" há 35 anos atrás e considero Palmela a "minha terra". (Apesar de gostar muito de Setúbal, do rio e da serra.)

Palmela é uma vila antiga, histórica e arquitetónica, com muito cariz cultural e bons produtos regionais.
É sede de um concelho enorme e diversificado, com zonas mais urbanas e outras muito rurais.
Neste momento, acho-a muito "velhinha" e a precisar de investimento jovem e de recuperação de alguns edifícios, mas acredito que a veremos em breve completamente viçosa e repleta de gente nas ruas.

Acho que a minha vila merece a visita de toda a gente e tenho a certeza de que os visitantes e turistas ficam com Palmela no coração. Por isso, vou deixar-vos aqui 10 razões para visitarem a minha terra. (Se aceitarem o desafio e passarem por cá digam qualquer coisinha!)

1- AS FRUTAS DE PALMELA SÃO MARAVILHOSAS
Temos uvas muito deliciosas com as quais se produzem vinhos de qualidade e reconhecidos nacional e internacionalmente. Temos a famosa "maçã riscadinha", as ameixas, os alperces, as peras, os morangos, os figos e os pêssegos. Com estes frutos são produzidas compotas e outros doces regionais.



2- O MOSCATEL E AS FOGAÇAS SÃO UMA COMBINAÇÃO EXCELENTE
É a pura das verdades. Muito do famoso moscatel de Setúbal é feito com as uvas palmeloas e sabe maravilhosamente quando acompanhado da nossa iguaria doce: a fogaça.

3- O CASTELO ALTANEIRO
Adoro castelos e conheço imensos em Portugal, mas nunca consigo gostar mais de outro do que do "meu".
O Castelo de Palmela é o mais lindo do nosso país.

4- A CULTURA MUSICAL
Palmela é uma vila muito rica do ponto de vista musical, formando-se nela muitos músicos de excelente qualidade e que se destacam em diferentes instrumentos e estilos musicais. As duas Sociedades Filarmónicas desde sempre que instruíram musicalmente os palmelenses e orgulham-se bastante disso. Em ambas se realizam eventos musicais durante todo o ano, aos quais a população acorre. Numa delas foi mesmo criado o atual Conservatório Regional de Música de Palmela, que forma centenas de músicos e apoio o Ensino Articulado nas escolas.

5- A FESTA DAS VINDIMAS
Apanhando sempre o primeiro fim de semana de setembro e decorrendo durante 6 dias, de quinta a terça-feira, realiza-se em Palmela uma festa popular muito visitada pela população do distrito (e não só!). É a Festa das Vindimas, que tem sempre um vasto programa cultural, recreativo, popular, tradicional e religioso, em volta do ex-libris da região: as uvas e o vinho. Esta festa termina com um Simulacro de Incêndio no Castelo de Palmela e com Fogo de Artifício.

6- A TRANQUILIDADE
Palmela é uma vila pacata e tranquila, onde, ao mesmo tempo, temos acesso a tudo e podemos viver no sossego de uma povoação pequena.

7- JOVENS PROATIVOS
Não sei se são motivo para visitar Palmela, mas convictamente que ajudam a dar todos os outros motivos. Os jovens de Palmela (considerando principalmente os que nasceram a partir da década de 70) têm características que os tornam especiais e que colocam ao serviço da terra que amam: são proativos, empreendedores, dinâmicos, criativos e talentosos. E é deles que vêm muitas das forças que levam Palmela a bom porto.

8- A VIZINHANÇA "VERY BEST"
Palmela tem como vizinhos algumas terras e terriolas que também vale a pena conhecer, algumas mais urbanas (como Pinhal Novo e, até, Quinta do Anjo) e outras mais rurais (Fernando Pó, Poceirão....). Estes são exemplos dos vizinhos do mesmo concelho, mas Palmela têm ainda outros 9 concelhos limítrofes que vale a pena visitar, estando a 7 kms de distância da grande cidade de Setúbal. Quem vem a Palmela, pode facilmente deslocar-se a qualquer dos vizinhos, enriquecendo a sua visita.

9- OS MONUMENTOS E EDIFÍCIOS MAIS SIGNIFICATIVOS
Em Palmela os monumentos constituem um motivo de orgulho e encontram-se bem estimados, sendo de valor histórico, cultural ou religioso, como o Pelourinho, as Igrejas, o Castelo e o Chafariz. O mesmo posso dizer de outros edifícios mais antigos, como o Cine-teatro, a Biblioteca Municipal, o Coreto, os Passos do Concelho, os Moinhos, entre outros.
Também têm sido construídos novos elementos arquitetónicos e paisagísticos pelos artistas locais, como esculturas, painéis, estatuetas, entre outros.

10- A VISTA PANORÂMICA
Seja do Castelo ou de qualquer outro ponto alto, Palmela tem uma vista fantástica, parecendo toda ela um miradouro do distrito. Da Torre de Menagem do Castelo, podemos ver o Rio Sado, a vasta Serra da Arrábida, a Península de Tróia, a vila e as várias terras do seu e dos outros concelhos, os campos rurais, os vales e montanhas, os complexos industriais, o rio Tejo e as suas duas pontes, a nossa capital...

ALGUMAS FOTOS DE PALMELA









3 comentários :

  1. Gosto muito de Palmela. :) Excelentes dicas.

    ResponderEliminar
  2. Lindo Miguta. Adorei
    Beijinho

    Ricardo Reis

    ResponderEliminar
  3. Como moro na zona conheço bem Palmela e gosto imenso, principalmente do belíssimo castelo.
    Beijinhos*

    ResponderEliminar