domingo, 20 de dezembro de 2015

TAG (OU DESAFIO) DE NATAL

Apesar de ter muitos posts pendentes para publicar, hoje apetece-me falar um pouco sobre o Natal. 
Até há minutos atrás não sabia muito bem o que escrever, mas, ao abrir o meu e-mail, dei de caras com a atualização de um dos meus blogues preferidos e, coincidentemente (ou não!), o post era uma TAG sobre o Natal.

Assim, venho então responder à TAG DE NATAL lançada pelo blogue "UKUHAMBA", a quem agradeço de coração estes desafios que nos lança a todos. (E que vêm sempre com imagens deliciosas!)

Se gostarem, façam o favor de levar e escrever também! 


Qual o teu filme de preferido?
Gosto do Natal. Gosto das suas músicas, da iluminação das ruas, da decoração das casas... gosto de todos os filmes de Natal, até mesmo daquelas comédias familiares para se assistir na TV num domingo de chuva. Mas tenho mesmo um preferido. É um daqueles que tanto encanta como emociona e que dá para ser visto por todos no calor da consoada: "Polar Express". 

Qual a tua cor de Natal preferida?
Esta pergunta tem uma resposta muito simples: vermelho! E se misturar com o dourado então... 

Onde passas o Natal?
Este ano vou passar o Natal em casa dos meus pais. Na véspera com os filhotes, os meus pais e um dos meus irmãos (com a cunhada e a princesa Madalena). No dia 25 com mais uma mana, um cunhado e dois sobrinhos, mas sem os filhotes. :(  Vai ser a primeira vez desde que nasceram... mas (infelizmente) faz parte. Vou tentar aproveitar ao máximo a luz das pessoas que mais me amam! 

Costumas abrir os presentes na véspera ou na manhã de Natal?  
Sempre na véspera, assim que o relógio dá as 12 badaladas. Esperamos todos pela hora da verdade e depois é ver papéis por todo o lado e muitos beijinhos e abraços. Confesso que tinha mais graça quando os miúdos ainda acreditavam no Pai Natal. Os presentes estavam escondidos até essa hora e depois havia sempre um bater na porta ou na janela e, como por magia do velhote das barbas brancas, a casa enchia-se de presentes. Num desses anos, o meu Simão ainda conseguiu ver, no céu, o nariz do Rudolfo quando o Pai Natal abalou para outro pais. Foi demais!! 

Se só pudesses dar um presente a uma pessoa a quem seria?  
Ai que pergunta tão difícil!!!! A uma só pessoa? Tinha de ser, pelo menos, a duas: aos meus filhos. Se tivesse de ser mesmo só uma prenda, acho que comprava um jogo de tabuleiro ao gosto dos dois, para poder também jogar com eles.

A tua árvore de Natal é natural ou sintética? 
A minha é sintética e dura há anos!!! É de tamanho médio e tiro sempre uma foto aos miúdos a colocar a estrela no cimo. Acho que um dia vou olhar para todas e ver como cresceram!! 

Qual o teu doce de Natal preferido? 
O meu doce de Natal preferido engorda que se farta, mas assinala mesmo o começar dos festejos. É só vê-lo no balcão do café do sr. Alberto que não hesito em acompanhar com ele o meu café. O eleito é... a azevia de batata doce. E não há como as da minha mãe... são mesmo deliciosas e trazem aquele travozinho a calor maternal!

Gostas mais de receber ou de dar? 
De dar, sem sombra de dúvidas nem de hesitações. Eu até gosto mais de receber presentes fora das épocas comemorativas! Sabem bem e são inesperados. E como adoro surpresas!!! 

Qual o melhor presente que já recebeste no Natal?
Sinceramente? Não sei. Não me lembro de nenhum em especial.

Qual o teu destino de sonho para esta época? 
Há anos que alimento um sonho e sei que está mais próximo do que nunca de se realizar. Gostaria de ir passar o Natal numa chalé na Serra da Estrela e levar comigo toda a família. Íamos a 23 e só voltávamos no dia 26. Fazíamos todas as refeições e os doces natalícios em conjunto, brincávamos na neve, jogávamos jogos de tabuleiro, contávamos histórias, bebíamos chá quente e víamos filmes, fazíamos caminhadas, cantávamos no karaoke... Hei de realizar este sonho!!

És uma profissional a embrulhar presentes ou não te safas? 
Nem uma coisa nem outra. Desenrasco-me bem, especialmente se o presente for um livro ou vier numa caixa em forma de paralelepípedo. Se não for, há sempre a hipótese de usar aqueles sacos de papel bem bonitos que são vendidos em muitos tamanhos! 

O que te fez perceber a verdade sobre o Pai Natal? 
Ai que já foi há tanto tempo!!!! Nem a minha mãe se deve lembrar, que isto de se ser quase cota faz com que as memórias fiquem muito para trás! (Não és tu que és cota mãe, sou eu!! UI!!) 

Costumas fazer resoluções de Ano Novo? 
Faço... normalmente no dia 31 de dezembro, quando faltam 5 minutos para a meia-noite e me lembro que as passas são 12 e que tenho de pedir um desejo por cada uma. Às vezes repito porque já não sei o que "pedir"... Acho que vou passar a escrever com tempo. Talvez assim resulte!

4 comentários :

  1. Adorei a Tag, vou levar para responder mais tarde! Beijinhos*

    ResponderEliminar
  2. Olá linda. Leva sim e depois mostra aqui à amiga!!
    Beijocas

    ResponderEliminar
  3. adorei ler.. a parte de ficares sem os filhotes deve ser dolorosa, mas o amor k vos une esse ninguém vos tira...
    ;) boas festas minha linda

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Lurdes!
      É verdade. Tens razão. Mas custou!!
      Beijocas

      Eliminar