domingo, 15 de dezembro de 2013

AS MINHAS PEÇAS NUM MERCADO

https://www.facebook.com/events/420475344745864/Ontem, pela primeira vez, juntei todas as minhas criações artesanais e levei-as até à rua, para participar num evento social: o "Mercado de Trocas".
Este evento foi promovido pelo "Movimento Ecos" que é uma comunidade formada por um conjunto de pessoas que valoriza as trocas de produtos e serviços, provendo a inter-ajuda. Ou seja, na base estão os princípios da sustentabilidade e do cooperativismo e, na prática, as pessoas que participam nestes mercados trocam entre si os produtos de que dispõem, sejam eles do género que forem.

Estava muito nervosa e estive mesmo para desistir, mas lá ganhei coragem e arrumei toda a mercadoria, não levando mais na bagagem das expetativas do que a esperança e a curiosidade. De materiais levei bandoletes, colares, ganchos, elásticos e anéis novos, que tenho elaborado e que (ainda) não têm dono. Nunca pensei que tivesse tanta coisa guardada!
A minha filhota ajudou-me em tudo... preparámos também papéis para embrulhar, um logotipo com os meus contactos, uma mantinha para a banca e muita quantidade de boa disposição. Fomos as duas prontas para o que desse e viesse!
E acho que ficou bonitinho o nosso espaço de trocas!!!


 Passei lá quase 3 horas e gostei bastante, apesar de estar (ainda) um pouco introvertida e pouco por dentro do esquema do mercado. Apenas consegui "trocar" duas das minhas peças, mas recebi muitos elogios e parece que as pessoas gostaram, apesar de não ser um bem de primeira necessidade.
Trouxe para casa um novo fruto para provar (com a excitação até me esqueci de perguntar o nome!), uma abóbora e umas folhas de espinafres biológicas, um queijo de figos delicioso e chá de lúcia-lima.
Havia de tudo um pouco e pensei logo na quantidade de produtos em 2.ªmão que tenho cá em casa para levar da próxima vez, pois cheguei à conclusão que é uma iniciativa mais indicada para ajudar a "destralhar" cá por casa e terei mais oportunidades de interagir com este tipo de produtos.

Fiquei com o bichinho das feiras e gostaria imenso de participar naquelas próprias para artesanato. Talvez um dia surja a oportunidade! Até lá, vou costurando só para mimar os amigos e a família e para me entreter nos tempos mais livres. Mesmo só assim, já vale a pena!

Sem comentários :

Enviar um comentário