terça-feira, 17 de dezembro de 2013

BIRRA DE ADULTO

Vou confessar-me aqui, que para mim é tão válido como fazê-lo com um padre (já que Deus está em todo o lado!): às vezes faço birras!
É verdade! Faço mesmo. E quando as faço, tal como as crianças, também fico cheio de raiva por dentro e
choro. Só não bato o pé porque tenho vergonha e acho que seria um escândalo, mas fico com vontade. Mesmo! Cresce uma coisa dentro de mim, apetece-me explodir e rebento de emoções.
Normalmente, quando faço birra, afasto-me de todos e não quero ninguém por perto.
Outras vezes, quando não é possível bater a porta e fechar-me no quarto, amuo e procuro um cantinho para chorar... e se não choro, porque não posso mesmo, aquilo fica a consumir-me por dentro até chegar ao carro ou a casa e aí soltar um choro quase compulsivo.
Faço birra quando sou contrariada, quando sei que tenho razão e me obrigam a fazer as coisas ao contrário... faço birra quando me dizem "indiretas" nem suficientemente discretas para eu ignorar nem suficientemente provocadoras para eu responder... faço birras quando me interpretam mal, quando pegam no que eu disse (ou queria dizer) e deturpam como se não me conhecessem, levando a crer que quis dizer algo que nunca me sairia pela boca... faço birras quando não sou segura o suficiente para esclarecer as coisas, para falar com assertividade... faço birras quando as pessoas me magoam e me desiludem... faço birra quando sinto que todos estão contra mim...
O mau das minha birras é que depois toda a gente nota (tal não é a minha transparência!) e que, se não encontro o ombro amigo capaz de me acalmar e fazer contar até 10, fico profundamente infeliz.
O bom das minhas birras é que, depois de passarem, já não é nada comigo e o mundo volta a ser perfeito.
Serei eu uma menina mimada (no sentido pejorativo da expressão) ou existirá outra explicação?
Bolas, que birrenta!!! 
Imagem retirada da Internet

7 comentários :

  1. Tenho...tinha............um amigo assim............

    Alguém a quem aturei mil atitudes desses...
    Tens a minima ideia do desconforto, injusto, que eixas em quem gosta de ti quando fazes dessas birras????????????

    ResponderEliminar
  2. É que para vocês, "depois de passarem, já não é nada comigo e o mundo volta a ser perfeito..."

    Com as pessoas que vocês magoaram, isso não é bem assim...

    Nas primeiras vezes ficamos a remoer sobre se fizemos algo que vos magoasse ou não..sentimo-nos mal, preocupados convosco....
    Engolimos as nossas ideias e sentimentos para não provocar mais uma birra, um amuo.
    Ao ponto de quase duvidarmos das nossas atitudes! Porque, afinal, passados uns dias está tudo bem de novo...

    Se formos maduros e se a nossa auto-confiança estiver bem equilibrada, concluímos que a "avaria" não está em nós, mas em vocês!!!!

    Mas isto só acontece depois de muito sofrer e muitas birras vossas aguentar

    Apenas porque vocês não têm maturidade suficiente para ir fazer uma terapia e descobrir qual o parafuso que anda solto....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa noite!
      Em primeiro lugar, lamento que a sua maturidade e os parafusos todos no lugar não lhe dê também a coragem de assinar os comentários que deixa!
      Afinal, parece que também faz birras!! Ou será que tem vergonha de mostrar o que pensa ou também falta de confiança e de terapia?
      Depois, das duas uma: ou não me conhece pessoalmente, pois se conhecesse saberia quão inofensivas são as minhas "birras" ou contacta comigo diretamente e me julga conhecer, sendo uma daquelas pessoas que me irrita com indiretas ou interpretando e não "ouvindo" exatamente o que eu disse.
      De qualquer forma, não acha mais interessante assinar a sua opinião, como crescida e equilibrada psicologicamente que é? Ou será apenas perfeita?

      Eliminar
    2. Princesa, queres um conselho? Caga nisso! Este anonimo deve ter parafusos a mais com placas e tudo!!!

      Eliminar
  3. Que engraçado, possivelmente este anónimo é uma ou um daqueles que queriam ser como tu, mas não consegue, ainda tem de comer muito e criar musculo!!! Tem muitos parafusos mas são postiços!

    ResponderEliminar
  4. Só pra dizer que também faço birras e aturo as birras dos outros e alguém que dis o contrário é que precisa de uma ida ao psicólogo afinal não passamos de seres humanos cheios de imperfeições gabriela ramos

    ResponderEliminar
  5. Obrigada minha linda Gabi!!!
    Gosto tanto de ti!!
    Beijocas

    ResponderEliminar