sábado, 8 de dezembro de 2012

TRABALHANDO COM AS MÃOS

Já me apercebi que quando estou a "trabalhar" em algum projeto manual, a minha cabeça anda mais descansada e leve. Apesar de ocupada, o meu espírito fica mais solto e parece que o dia corre melhor.

Esta semana, que foi emocional e psicologicamente dura, salvou-se graças a momentos destes, de criação, de artes manuais, de ocupar a cabeça e as mãos em mini-projetos de criatividade.

Um deles foi feito cá por casa.
Pegando nos tais novelos de lã-polar, foi crescendo das minhas mãos uma capa para a minha Matilde.
Não sei se a vai usar muitas vezes. Mas gostou dela e eu fi-la com todo o amor e dedicação.
Com uma agulha de croché, vários pequenos novelos cremes, muita paciência e um video explicativo do youtube, fui dando pequenos passos, que terminaram com seis florinhas...


O outro projeto artesanal, está a começar a crescer com a ajuda dos meus 20 amiguinhos mais novos: os meus alunos.
Como estamos no projeto de "Hortas Biológicas na Escola" e sei o quanto todos eles gostam de piza, resolvi juntar o útil ao agradável e começar com o mini-projeto "Horta-piza".
À parte de todo o trabalho feito neste novo canteiro, projetado na sala (escolha das sementes/produtos e programação) e concretizado no terreno (marcação do espaço, delimitação do mesmo, preparação da terra...), houve trabalho que tive de fazer sozinha, em dois dias, à hora do almoço.
Claro que apareceram sempre alguns amiguinhos, mas a verdade é que aquele tempo de "solidão" e contacto com a terra foi mágico naqueles dias. Terapeutico, mesmo...
"Tem de arranjar umas galochas...", disseram-me meio na brincadeira. Mas a verdade é que dava mesmo jeito.
Mas a chuva chegou e a minha terapia terminou. Ou melhor, ficou adiada para a próxima semana...

2 comentários :

  1. esta muito gira a vossa horta.uma pizza.continuem eu quero cenouras pra sopa.bjos pra todos

    ResponderEliminar
  2. Wow, ficou super giro! Gostava de ter jeito para fazer estas coisinhas :D

    ResponderEliminar