segunda-feira, 1 de outubro de 2012

UMA BLUSA "ARTESANAL"

Devo andar com a mania que tenho uma ponta de jeito para as costuras pois a minha mana achou bonito um retalho de tecido e resolveu dar-mo para eu fazer qualquer coisa.
A verdade é que gostei muito do padrão e do tecido, de algodao maleável e fresco, que me agradaram desde logo.

Assim, num dos últimos dias de agosto, agarrei firmemente na tesoura e dei-lhe um corte para colocar o pescoço e outros (pequenos) para fazer passar um fio. A ideia do que queria estava na minha cabeça, mas pô-la em prática nãofoi nada fácil.
Depois dos cortes e algumas costuras à mão, tentei dar um jeito à gola.
Inicialmente ficou larga e resolvi o problema com croché.
O cinto fi-lo com trapilho branco e uma agulha, o qual também usei para dar um jeito à gola para melhor se adaptar ao meu pescoço.

Depois... bem, acabei por colocar todo o trabalho de parte até que, há dias, ganhei coragem e pedi à minha mãe para fazer umas costuras na máquina para ver se conseguia salvar esta tentativa de fazer uma blusa.
Ontem já a fui buscar cosidinha e até gostei do resultado.
Claro que tive logo de a experimentar e hoje já sai com ela. Um pouco tímida, envergonhada, com medo de parecer qualquer coisa de estranho, mas orgulhosa por ter conseguido não desistir do que tinha começado.




4 comentários :

  1. Bem gira! Beijinho. Sílvia

    ResponderEliminar
  2. Fantástica! Adorei os dois modelos!

    ResponderEliminar
  3. Eu adorei e fica mesmo bem na Marisa,eu gostava de ter um assim.o que os outros pensam não interessa desde que te sintas bem.beijocas a tua costureira esta de parabéns.um beijo pra ela.Deus a proteja.

    ResponderEliminar