sexta-feira, 12 de outubro de 2012

O HINO É SEMPRE O HINO

A caminho de casa, já à pressa (e atrasada!) para ir buscar os miúdos à escola, mesmo sem estar a ligar nenhuma ao que estava a dar na rádio, alterei a frequência, mudando "ao calhas" para outra estação.
Sem esperar, que na altura nem sabia que Portugal ia jogar, surge o nosso hino em direto do estádio. Estava mesmo a começar e não resisti a acompanhá-lo... levantei o som e cantei a plenos pulmões...

Parei no semáforo e, enquanto canto "Às armas! às armas!" olho intuitivamente para o retrovisor e vejo um barbudo no carro atrás do meu a fazer uns gestos parecidos com os meus (com a boca, claro!). Atenta ao espelho, confirmo: estamos ambos a cantar o hino, ao mesmo tempo, sem nos ouvirmos, mas completamente com cara de quem ganhou o Euromilhões.

Há músicas que unem as pessoas. Para mim, o nosso hino é e será sempre o nosso hino!

Sem comentários :

Enviar um comentário