segunda-feira, 3 de setembro de 2012

DANÇAR NO PALMELA WHITE PARTY

Há muito tempo que não saía para dançar como fiz no passado sábado, dia 25 de agosto.
Aproveitei uma festa promovida pela primeira vez aqui perto, a Palmela White Party, e a vantagem de poder levar as crianças comigo e fui dar umas passos de danças.
Foi fantástico poder voltar a dançar ao som de música dos anos 80, coisa que não fazia há anos. Nem dos 80 nem de outros quaisquer, que não punha os pés numa pista de dança desde... bem, desde não sei quando!

A verdade é que dançar é das coisas que mais adoro fazer e tenho colocado completamente de lado este meu gosto pessoal. Sair à noite, passar por um bar, ir até outro que tenha espaço para dançar ou até uma discoteca, estar completamente solta e a aproveitar a música e o mexer de todas as células desta minha pessoa... há quanto tempo... como pude deixar passar anos sem procurar agarrar este "elixir de alegria"?
Confesso que já tentei algumas vezes, mas não resultou. Acho que já não sei onde se vai e há sempre tantos obstáculos que arranjo para me desculpar...
Ou são os miúdos....
Ou é o sono e o cansaço...
Ou é a (falta de) companhia...
Ou é o "não ter o que vestir" ou não "saber o que se veste"....

Desculpas, eu sei. São tudo desculpas para me acomodar e dar prioridade a outras saídas, a outras companhias e a outras preferências, muitas vezes de outras pessoas que não eu.
Mas nesse dia fui sem hesitar. Levei os meninos (menos uma desculpa), dormi a sesta (outra), juntei-me aos meus irmãos e cunhados (mais uma) e vesti o que mais gostava das peças que tinha em branco (PUM!!!!!)...
Só lá estive até à meia-noite, porque os meninos já não estavam bem e a confusão era muita (para esta velhinha mal habituada), mas deu para "matar o bichinho" e para recuperar a vontade de seguir este meu desejo. Deu para abanar o capacete, ver a minha miúda louca e divertida toda de branco e o meu príncipe de chapéu à MJ a projetar charme que, daqui a uns anos, promete seguidoras. E ver o meu homem a "gozar" a sensação! Foi bom! (Ele que nem gosta de dançar!) E estar com os meus manos como se fossemos apenas bons amigos... e beber um moscatel de Palmela... e o ambiente.... e ver pessoas que não via há mais de uma década, apesar de vivermos a menos de 5 kms.... fantástico!

A repetir... se não for antes, pelo menos na 2º edição, no próximo ano!

   
 

1 comentário :

  1. Também gostei de os ter por perto, mesmo não lhes podendo fazer companhia, mas só o facto de estarem todos juntos e a divertirem-se, já foi motivo de satisfação!!! Vai haver mais encontros destes, vais ver, já a começar pela passagem de ano! Beijinhos.

    ResponderEliminar